Após prisão de deputado, presidente da Câmara diz que conduzirá o caso com ‘serenidade’

Folia de Carnaval? Rainhas de bateria descansam (e amam) muito no feriado.
fevereiro 18, 2021
Presidente do Congresso diz que caso de deputado preso não pode ser elevado a crise institucional
fevereiro 18, 2021

Após prisão de deputado, presidente da Câmara diz que conduzirá o caso com ‘serenidade’

BRASÍLIA – Presidente da Câmara dos Deputados, Arthur Lira (PP-AL) afirmou nesta quarta-feira que conduzirá “com serenidade” o caso de Daniel Silveira (PSL-RJ), preso após insultar ministros do Supremo Tribunal Federal. E deu a entender que o plenário da Casa é que decidirá a posição da Casa. “Nesta hora de grande apreensão, quero tranquilizar a todos e reiterar que irei conduzir o atual episódio com serenidade e consciência de minhas responsabilidades para com a instituição e a democracia”, escreveu em uma rede social.

Dois deputados do núcleo de Lira ouvidos pelos jornalistas afirmaram, em caráter reservado, que a prisão em flagrante de Silveira foi justificada por conta das “ofensas muito graves”. E dizem que aconselharam o presidente da Câmara a não articular para retirar Silveira da prisão. O núcleo de Lira, contudo, já espera a pressão de deputados alinhados com o governo para que a Câmara atue para retirar Silveira da prisão.

No Twitter, Lira insinuou que não deverá tomar partido. Disse que a vontade do plenário é “soberana”, dando a entender que incluirá os demais parlamentares no processo de escolha.

“Como sempre disse e acredito, a Câmara não deve refletir a vontade ou a posição de um indivíduo, mas do coletivo de seus colegiados, de suas instâncias e de sua vontade soberana, o plenário”, escreveu Lira. Na sequência, completou: “(…) Irei me guiar pela única bússola legítima no regime democrático, a Constituição. E pelo único meio civilizado de exercício da democracia, o diálogo e o respeito à opinião majoritária da instituição que represento”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *